Aditi - Gestões em TI
banner qlik new out17.png
SOLUÇÕES
GESTÃO DE TI
Implemente as melhores práticas da Gestão de TI alinhada à estratégia da sua empresa. Conheça a nossa metodologia e como a Aditi pode ajudar o seu negócio.
SAIBA MAIS
PLANEJAMENTO FINANCEIRO E ORÇAMENTO
A ADITI fornece consultoria e soluções para Planejamento, Orçamentação e Consolidação Financeira. Conheça o SYSPHERA e tenha rapidamente uma plataforma ágil e robusta para a gestão financeira.
SAIBA MAIS
BUSINESS INTELLIGENCE
A ADITI atua em consultoria e planejamento estratégico de Inteligência de Negócios. Utilizamos o QLIKVIEW, a tecnologia inovadora que assegura rápida implementação do seu Business Intelligence.
SAIBA MAIS
Revista In The Mine - ed 41 - Garimpando a Informação (I)

Garimpando a informação (I)

Coluna mineTI - Revista Inthemine ed 41 - out  l nov 2012 - www.inthemine.com.br/edicao41.php
por Marcelo Siffert Torres
 

Como as empresas utilizam as informações armazenadas em seus sistemas informatizados? Os gestores tem utilizado essa fonte abundante de informações para suportar suas análises e tomadas de decisões com a celeridade necessária?

Qualquer organização que deseja melhorar continuamente o seu desempenho deve gerenciar os seus objetivos estratégicos e seus processos de negócio, a partir de um conjunto ajustado de informações e indicadores gerenciais, alinhados com os seguintes pontos:

· Decisões: o “porquê”, perguntas da sua empresa que precisam ser respondidas e constatemente analisadas para melhorar e agilizar a tomada de decisões. Como atrair e reter clientes? Quais os produtos que temos que desenvolver? Como aumentar minha receita e minha margem? Como otimizar meus  processos, melhorar a qualidade dos serviços e reduzir os nossos custos?

· Colaboração: permitir a colaboração e compartilhamento de informações nos níveis estratégico e tático da organização.

· Controle: gerenciar os processos de negócios, possibilitando melhoria contínua e inovação, a partir das informações disponibilizadas.

· Integridade: assegurar informações íntegras, confiáveis e disponíveis para as pessoas corretas e no tempo certo.

Esse conjunto ajustado de informações e indicadores é normalmente denominado de “Business Intelligence” (BI). De acordo com institutos de pesquisas de tendências de TI, as organizações continuam a voltar-se para o BI como um processo vital para o negócio e onde ocorrerão os  maiores investimentos em TI.

Atualmente já existem disponíveis muitas tecnologias para BI. As mais recentes são orientadas aos usuários, fáceis de usar e com altas capacidades de análises integradas aos sistemas ERP.  Porém, é importante destacar que a adoção da ferramenta é apenas uma parte da receita do sucesso, sendo necessário trabalhar em outros pontos:

· Alinhar o projeto à estratégia do negócio, assegurando a visão e apoio direto pela alta direção, envolvendo toda liderança, assegurando entendimento e comprometimento.

· Entender que a pessoa é o ponto crucial de todo BI. O argumento central para a defesa desse conceito se baseia no argumento que a inteligência está com as pessoas e somente assim a informação será traduzida em decisão e ação.  

Por fim, pensar em um projeto corporativo, com um planejamento para as áreas de negócio no longo prazo, estruturado de forma a garantir uma utilização segura, com resultados pragmáticos e evolutivos. Recomenda-se dividi-lo em 4 fases:

Fase 1 – Diagnóstico e Planejamento: realizar um diagnóstico macro na corporação, cruzando processos e sistemas de informação VS demanda de informação (“as perguntas feitas”), a fim de definir os motivadores, objetivos, priorização e escopo com visão no longo prazo.

Fase 2 – Execução: estruturar a base do BI para uma área de negócio, priorizada em função da abrangência e captura dos benefícios, de forma a obter retornos rápidos. Capacitar os usuários e utilizar ferramentas que sejam capazes de atender a dinâmica do negócio, estruturando um modelo onde a área de TI não seja uma barreira nessa dinâmica. Adotar uma Governança específica para o BI (papéis e responsabilidades para os envolvidos – TI, usuários e lideranças).

Fase 3 -  Captura de valor: monitorar os resultados (verificar se os objetivos da área foram atendidos), destacar as ações tomadas pelo resultado do BI, a fim de gerar uma cultura de BI na organização. Entender que BI não é gerador de relatórios, nem solução para as rotinas operacionais.

Fase 4 -  Expansão e Formação de Cultura: realizar o mesmo ciclo para outras áreas de negócio e manter vivo o BI nas áreas já usuárias. É fundamental desenvolver um ambiente e uma cultura de análise e valorização da informação e conhecimento na organização.

 


Av Amazonas, 491 - sala 907, Centro - CEP 30180-001 - BELO HORIZONTE - MG
Fones: +55 031 8475-3779 / +55 031 8812-8145 | contato@aditi.com.br